para o meu menino…

Meu filho, ontem eu descobri que você era um menino! Foi a primeira coisa que a médica olhou na ultrassonografia, eu e seu pai ficamos radiantes! Quando ainda não sabíamos se você era um menino ou uma menina, eu ficava olhando as roupinhas e queria muito que se você fosse menina eu pudesse comprar vestidos, e se fosse menino, comprar camisas sociais. Sempre que eu ia em alguma loja, eu ficava na seção infantil olhando os bicos, mamadeiras, brinquedos, mas tudo era rosa ou azul, então eu não comprei nada e resolvi esperar saber se era Stevan ou Olívia que viria. Quando a médica me falou que era o meu Stevan, eu pensei em tudo que eu ainda não tinha feito e que queria muito fazer: organizar o chá de bebê, comprar as coisinhas todas que eu havia olhado por semanas nas lojas, comprar ao menos uma roupinha social para você ficar vestido igual ao papai na igreja… Fiquei tão empolgada! No fim das contas, deixei de lado todos esses pensamentos de coisas que eu queria que você tivesse, e me recordei do que eu desejava que você se tornasse. Lembrei de tantas mulheres grávidas entre as minhas conhecidas: a maioria teve ou vai ter ainda um menino também. Imaginei que isso seria porque Deus tem visto o quanto faltam homens crentes neste mundo. E comecei a pensar nos livros que eu pesquisei para educação de meninos, e em como eu poderia aprender ao máximo para ser uma mãe que te ensine a servir e amar ao próximo, a respeitar as pessoas, a lutar contra o pecado, a cuidar da sua família e a ter força de vontade para seguir sua vocação. Eu não tenho a pretensão de tornar o mundo melhor para os meus filhos, mas sempre pensei que o mundo precisava de filhos melhores. Aos poucos eu fui percebendo que tudo o que eu fizer não será nada se Deus não fizer uma obra no seu coraçãozinho. Por isso, eu decidi fazer tudo que estiver ao meu alcance para te ensinar a ser um homem de Deus, e orar com todo o fervor para que Deus o alcance em Sua infinita graça e misericórdia.  

Meu filho, no ultrassom eu vi você todo formadinho, cada órgão, cada detalhe, a médica me explicou tudo, mediu, tirou foto. Teve uma hora que ela mostrou você de lado e sua boquinha e linguinha estavam mexendo, parecia até que você estava tentando comer alguma coisa, ou simplesmente tentando dizer: oi mamãe e papai, eu estou aqui, e estou bem! É impressionante ver como Deus fez tudo tão perfeito, você pouco a pouco crescendo dentro da minha barriga, esperando somente a hora que estaria forte o suficiente para viver aqui fora. A maneira como Deus faz com que um bebê seja gerado nos causa espanto e temor, não é a toa que o rei Davi disse:

“Graças Te dou, visto que por modo assombrosamente maravilhoso me formaste; as Tuas obras são admiráveis, e a minha alma o sabe muito bem; os meus ossos não Te foram encobertos, quando no oculto fui formado e entretecido como nas profundezas da terra.” Sl. 139.14-15

É motivo de grande alegria para mim Deus ter escolhido usar o meu corpo para gerar você. E meu desejo é que Deus dê sabedoria a mim e ao seu papai para criá-lo para ser um homem que ama ao Senhor e que vive para a glória Dele! E que o Espírito Santo de Deus faça de você um homem sábio e que anda nos caminhos do Senhor, mesmo que esses caminhos sejam na contramão do mundo. Lembre-se que a mamãe já orava por você antes mesmo que você existisse. Eu te amo muito, meu filho, meu menino!

Um comentário sobre “para o meu menino…

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s